The Lizzie Bennet Diaries, a websérie transmídia sobre Orgulho e Preconceito nos tempos da internet.

O aclamado romance de Jane Austen, Orgulho e Preconceito, já teve diversas adaptações no decorrer de seus mais de 200 anos. Já foi filme, série, peças de teatro e recentemente ganhou até uma versão com zumbis! Mas hoje vamos falar de quando ele foi para o universo da internet com o The Lizzie Bennet Diaries.

Antes de mais nada, vale relembrar aqui a importância que a obra de Austen tem para a literatura mundial e para o feminismo. Orgulho e Preconceito foi lançado na Inglaterra em 1813, uma época em que os direitos das mulheres eram muito restritos. Sem possuir nenhum poder de escolha em suas próprias vidas, suas obrigações giravam ao redor da busca por um bom casamento. Basicamente, o dever feminino era ser bela, recatada e do lar. Em meio a esse cenário, surge um livro onde a protagonista é uma jovem questionadora, que aos poucos consegue desconstruir com suas atitudes o que a sociedade prega à ela.

No livro, Elizabeth Bennet é uma das cinco filhas da família Bennet, cujo objetivo, assim como a cultura da época, é casar essas garotas com “bons partidos”. Mas Elizabeth faz o contrário do que a sua família – especialmente sua mãe – ordena: rejeita propostas de casamento, tem opinião própria e não abaixa a cabeça para o arrogante Mr. Darcy. Mr. Darcy é um homem rico e solteiro (lê-se aqui um “bom partido”) que em um primeiro momento despreza todos os Bennet devido a sua posição social. Porém com o desenrolar da história, acaba se interessando por Elizabeth. O romance é considerado um dos maiores clássicos na literatura, graças à forma como Austen descreve esse universo “casamenteiro” de forma crítica e irônica.

The Lizzie Benett Diaries pega esse famoso enredo e traz para os dias atuais. Elizabeth é uma estudante de Comunicação Social, as propostas de casamento do livro aqui são propostas de emprego e tudo é contado por meio do canal no Youtube – estilo vlog – da protagonista. Lizzie fala sobre sua vida, seu relacionamento com os pais e as irmãs Jane e Lydia, suas questões profissionais e o controverso Mr. Darcy.

Com 100 episódios de cerca de 3 a 5 minutos, a websérie é cativante e traz um frescor para uma obra já muito conhecida. Seu maior mérito, talvez, seja a forma inovadora de se utilizar as redes sociais a seu favor. Os criadores de The Lizzie Bennet Diaries, Hank Green e Bernie Su, apostaram na interatividade e convergência/transmídia das redes possibilitadas pela internet. Os personagens da série tinham suas próprias contas no Twitter e Facebook e, conforme os episódios eram lançados, eles postavam comentários online sobre os últimos acontecimentos e conversavam com os fãs. Isso levou The Lizzie Benett Diaries a ganhar um Emmy na categoria de Melhor Programa Interativo Original.

O sucesso da websérie foi tão grande que gerou ainda alguns spin-offs: The Lydia Bennet (vlog da divertida irmã mais nova de Lizzie), Maria Of The Lu (canal da irmã de Charlotte Lu contando sua experiência como estagiária), Collins & Collins (Canal da empresa do primo de Lizzie).

As criações da Pemberley Digital, produtora do The Lizzie Benett Diaries e seus spin-offs, não param por aí. Em seu canal no Youtube, há mais adaptações para os dias de hoje de clássicos da literatura no formato websérie, como o Emma Approved e o Frankenstein,MD. A primeira é um vlog feito por Emma Woodhouse, a protagonista do romance Emma, também de Jane Austen. Já a segunda, baseada em Frankenstein de Mary Shelley, é o canal de Victoria Frankestein, uma estudante de medicina que a cada episódio faz algum experimento científico maluco.

Frankenstein, MD

The Lizzie Bennet Diaries é uma websérie jovial, divertida e totalmente inserida no universo online atual, onde as diversas mídias conversam entre si. Vale a pena dar uma olhada nela e também nas outras webséries da Pemberley Digital!

OBS: Infelizmente as webséries desse post não têm versões legendadas em português, mas é possível quebrar um galho com as legendas automáticas do Youtube. Para saber como ativá-las, clique aqui!:)