Em um dos episódios mais chocantes da nona temporada de RuPaul’s Drag Race, as especulações e os spoilers rolaram soltos na internet. Parecia mentira, mas de fato este episódio terminou com a queen mais querida da audiência nos deixando. Sashay away, Valentina!

O desafio da semana não era fácil: gravar, em grupos, um piloto de série de comédia. Na passarela, looks Club Kids! Os times foram Peppermint, Alexis Michelle e Trinity Taylor, Shea Coulee e Sasha Velour e Nina Bo’Nina e Valentina. Quem acompanha a temporada – como nós – deve ter tremido ao ver esta última dupla se formar.

O que acontece é que Nina Bo’Nina vem se mantendo no programa a base de lipsyncs. Ela tem uma atitude derrotista. Mesmo que vença os lipsyncs, logo entra na sala desabafando com as outras queens sobre como se acha perseguida. Essa cena se repetiu tantas vezes, que as outras competidoras estão à beira de desistir de apoiar Nina moralmente.

Dito e feito, o piloto de Nina e Valentina não foi engraçado. Não teve química e ficou claro o quanto as duas não se prepararam para o desafio. Apesar de serem julgadas individualmente, as duas foram para o “bottom 3”, ou as três piores.

A outra foi Alexis. Apesar de ser uma forte candidata, Alexis parece falar mais do que fazer. Ela tem experiência, sabe atuar, mas tem sido muito amarga com suas rivais. Não hesitou ao tentar se defender no desafio, jogando Trinity e Peppermint para baixo do ônibus. Muito feio, muito imaturo, Alexis. Pior do que errar é não assumir os próprios erros.

As melhores da semana foram Shea e Sasha, que formam uma dupla quase imbatível. No entanto, elas não criam uma panelinha ou uma amizade excessiva como já vimos em “Rolaskatox”. Muito pelo contrário, a parceria das duas é extremamente positiva e engrandecedora. Falta apenas ver o que acontecerá no final da competição, onde não há mais espaço para parcerias, e a competitividade fica mais acirrada.

No segundo lipsync chocante da temporada, Valentina pisou feio na bola: começou a música usando uma máscara, ao que RuPaul disparou: “é um lipsync, que parte disto você não entendeu?”. OUCH! Ao tirar a máscara, ficou claro o miguê que Dona Valentina tentou dar: ela não sabia a letra da música. Não bastasse isso, ela não tentou nada de novo, como dar piruetas, tirar a roupa ou qualquer outra coisa que pudesse salvá-la.

Foi mandada para casa com razão. Afinal, quando Ru manda você lipsync pela sua vida, você deve lipsync PELA SUA VIDA!

Vamos às queens

-Alexis: Além de não se destacar no piloto ao lado de personalidades como Trinity e Peppermint, Alexis não acertou no look Club Kids. A maquiagem (apesar de bonita e bem executada) não casou com a roupa e ela ficou entre as três mais fracas do episódio. Pior que isso foi tentar se justificar, dizendo que foi responsável por boa parte das piadas do seu piloto, momento onde Peppermint discordou e mostrou a que veio.

-Trinity: Tem se mostrado uma queen muito versátil. Quem diria. Ela, que é queen de concurso de beleza, já mostrou que sabe atuar, fazer comédia e agora, looks conceituais. Acredite, ela nunca tinha feito um look Club Kids antes, por medo de parecer idiota. No entanto, se saiu super bem e está na lista de prováveis três finalistas.

-Peppermint: Seu look na passarela foi arrasador. Abordou a temática Club Kids levando seu nome “Peppermint” (tradução hortelã) ao pé da letra. Apareceu vestida daquelas balas em forma de bengala, tradicionais dos natais americanos. Ficou um pouco apagada no início da competição, mas agora se mostra uma forte competidora.

-Valentina: Até Ru concorda: nós achávamos que Valentina tinha tudo para ir até o final. No fim, a queen acabou ficando tachada como apenas um rostinho bonito. Valentina, por favor, nos prove o contrário!

-Nina: Estamos todos cansados dos dramas e da mania de perseguição de Nina. Sim, ela deve ter sido traída por alguém que confiou no passado, mas supera, amiga! RuPaul’s é uma competição e você deve se mostrar forte!

-Sasha: Uma queen muito inteligente, sabe quais são seus pontos fortes e não tem medo de destacá-los, da mesma forma que conhece suas fraquezas, e as esconde bem. Tem jogado muito bem, e é uma das apostas para as três finalistas.

-Shea: Talvez a competidora com mais vitórias até o momento. Ela é uma das favoritas desde o início da temporada. Até o momento não decepcionou e também é inteligente o suficiente para se afastar de Nina (amiga de longa data) em momentos onde ela está pra baixo. É a outra aposta para o top 3.